Grandes batalhas XXVII: Esparta vs Roma.

Post para machos.

Os exércitos espartano e o romano são referências para o mundo. Qual é o mais admirável, o mais temido e o mais implacável deles?

Império romano.

Império de Roma.

Pax Romana.

Leónidas.

Esparta.

Espartanos.

Esparta:

Isso é filme, o melhor de todos os tempos. Expõe todos os meus valores.

Ele era foda – estou chorando:

À vitória!!!!!!!!!!!!!

Hau!!! Hau!!! Hau!!!

Documentário:

Roma:

O segundo melhor filme de todos os tempos:

Humm, a melhor série de todos os tempos:

Construindo um Império:

 

Roma vs Esparta:

 

Anúncios

24 pensamentos sobre “Grandes batalhas XXVII: Esparta vs Roma.

  1. Aurora disse:

    Você assistiu o Spartacus original? E o Ben Hur? Gosto muito mais desses 2 antigos do que desses de agora que espirram sangue pra fora da tela hahahahhaah Preciso re-assistir o 300…não era esse filme que tinha o Rodrigo Santoro super estranho??

  2. thiago disse:

    esparta era uma cidade estado,roma era um imperio,como é obvio roma é muito maior,tendo mais soldados.
    mas se esparta tivesse o mesmo tanto de soldados que roma,acho que roma cairia
    obs:acho que a grecia só caiu aroma por que uma pequena partte era esparta,se esparta fosse a grecia inteira nao duvido que roma é que cairia

  3. Uma observação importante: No filme 300, e na história real que foi relatada pelo filme, não é Esparta x Roma! É Esparta contra o Império Persa, do Imperador Xerxes. Há uma matéria da Super Interessante que provavelmente está disponível no site, é só procurar. A matéria descreve nos mínimos detalhes a Esparta. Conta que antes mesmo de Atenas, Esparta já tinha um projeto de governo democrático e não eram só especializados em luta. Mesmo assim, eles realmente valorizavam bastante seus guerreiros, e como no filme conta, as crianças eram treinadas desde pequenas. É uma matéria muito interessante e descreve também as batalhas que Esparta travou contra Xerxes. Artemísio, Peloponeso e etc.
    Só pra não ficar confuso… como eu fiquei por alguns momentos, me perguntando: “Mas pera, contra Roma?” É, pelo que eu sei, posso estar errada, foi contra Xerxes, e tal. Contra Roma, acredito, veio depois.
    Tchau 🙂

    • Adonis disse:

      Obrigado por indicar a matéria da Superinteressante.

      Quanto à enquete, acredito que Esparta e Roma jamais guerrearam entre si ou mesmo conviveram. Quando Roma atingiu a plenitude de seu poder, Esparta provavelmente não era mais um estado cidade relevante. Talvez nem mais existisse. Fiz a quente, pois quis contrapor dois exércitos antigos e fantásticos. Gosto de ficar imaginando esse tipo de coisa. Foi só exercício de imaginação, como todas as outras dezenas de enquetes neste blog.

      Obrigado pela participação. Prometo ver aquela matéria da super.

      Tchau =)

  4. jamyl disse:

    Os romanos foram melhores que os espartanos.

  5. A história já responde horas, Roma seus vizinhos e conquistou quase toda Europa a partir de uma cidade estado,
    Esparta era uma cidade estado e no máximo conquistou o Peloponeso e parou por ai. Cabe mais comparar a Macedônia de Alexandre com Roma, que, Esparta com Roma.

    • Adonis disse:

      Sim, de fato, comparando as grandezas atingidas por ambas as cidades, você tem razão. Todavia, Esparta era uma cidade-estado fechada em si mesmo, com uma forma de peculiar de cultura belicista, e tinha concorrência de outras cidades-estados. Roma, por seu turno, era expansionista, mercantil, tinha fácil acesso ao mar e era defendida por sete colinas, sem contar que surgiu séculos depois e tinha acesso a mais tecnologia. Mesmo com essas diferenças, os espartanos continuam sendo símbolo de sucesso militar até hoje, povoando o imaginário popular, já os romanos nem tanto. https://www.youtube.com/watch?v=sHgKEPwzmuM

      • máximus disse:

        Esparta como a conhecemos só surgirá no século 9 a.c ou seja 300 anos depois da guerra de Tróia, quando os dórios um povo belicoso e violento pôs fim à civilização micênica e tomou Esparta .No entanto pela antiguidade da cidade os períodos históricos apesar de marcantes são poucos. Só para citar um exemplo de 900 a.c à 680 a.c quando da guerra mecênica há um hiato de mais de 200 anos sem registros.
        Sobre as idades de Esparta e Roma praticamente não difere muito. Esparta como a conhecemos é 150 anos mais velha, Roma foi fundada em 750 a.c.Na batalha das termópilas entre Esparta e os Persas em 480 a.c, até à primeira guerra púnica entre Roma e Cartago que foi em 260 a.c , quando registra-se a maior batalha naval da antiguidade. Veja que a diferença não é tanto assim.Em 260 a.c. Roma já havia conquistado toda a Itália um território bem maior que o da Grécia, O que ocorre é que, a Grécia já era uma nação muito antiga desde a civilização egéia e micênica e seu povo como excelentes navegadores e comerciantes que eram fundaram muitas colônias no mediterrâneo Por isso que passa a imagem de Esparta ter séculos de diferença em comparação com Roma.Quando a Macedônia e Esparta caiu em 192 a.c toda a Grécia também sucumbiu nas mãos de Roma, pois Roma tinha uma visão diferente das cidades estados gregas.Os romanos eram ambiciosos , expansionistas e conquistadores.Os gregos com exceção de Alexandre magno lutavam para se defender e os espartanos em especial simbolizavam o guerreiro verdadeiro, a honra e a glória do herói acima de tudo.Alguns romanos foram levados ao extremo nesses quesitos, eles guerreavam para conquistar, pois lutavam em todos os lugares de seu imenso território, contra todos os tipos de povos e tribos e repunham as perdas ou baixas rapidamente como nenhum outro exército da antiguidade.Por ser uma sociedade fechada, o exército espartano era homogêneo e local enquanto que o romano foi incorporando os guerreiros das tribos italianas conquistadas por Roma, que lhe dava cidadania e passavam a ser romanos.No auge do seu império o exército romano era multinacional.Os romanos aprendiam rapidamente com as derrotas e tiravam lição disso. É bem provável que em um combate em campo aberto entre espartanos e romanos,haja um embate equilibrado,mas à médio e longo prazo os romanos sairiam vencedores .pois tinham algo que os outros não tinham, eram persistentes, nunca desistiam e estavam sempre inovando, é que nas termóplias embora houvesse, uma superioridade numérica dos persas de certa forma exagerada por heródoto, os espartanos não foram ameaçados na retaguarda pois o desfiladeiro os protegeram.

  6. máximus disse:

    As legiões romanas de Flamínio derrotaram as falanges macedônicas em 197 a.c e Esparta em 195 a.c.

  7. máximus disse:

    Roma não tinha experiência nenhuma em guerra naval quando conquistou toda a Itália no final do séc iv a.c.Com objetivos expansionistas além mares na primeira guerra púnica pegando um modelo de um barco cartaginês que encalhou nas costa italianas, construiu sua frota e inovou-as com as pontes corvinas que deixava o combate corpo a corpo. A partir de então se tornou também nos mares uma potencia . Esparta não tinha tradição em batalhas navais, mas no século v a.c derrotou a sua rival Atenas na guerra do peloponeso. Em Siracusa na Sicília a esquadra ateniense foi derrotada pelos espartanos que na época se uniram aos persas.

  8. máximus disse:

    Quanto ao imaginário popular, quando se fala de antiguidade seja pelas conquistas ou pelo legado que deixou, vem sempre ROMA na cabeça.

  9. máximus disse:

    Muitos pensam que Roma começou com a forma de governo império romano que foi de 27 a.c até 476 d.c, É bom que se diga que antes 27 A.C Roma era uma cidade estado que havia passado pela monarquia do séc viii a.c ao séc vi. a.c, a partir de então se tornou uma república.Foi no regime republicano do séc v. a.c que começou a expansão romana com guerras tão importantes como aquelas que ocorreram na época do império. Contra os gauleses que saquearam Roma 390 a.c , depois contra diversas tribos itálicas entre elas os volscos e os samnitas. estes últimos ferozes guerreiros que lutavam como os hoplitas gregos impuseram derrotas á Roma, mas acabaram sendo vencidos na terceira guerra samnita em 290 a.c Também houve as guerra Pírricas, contra Pirro rei do Épiro um grego descendente de Alexandre o grande e embora tivesse vencido no começo , perdeu tantos homens que disse: ” com mais uma vitória dessas e estarei sem soldados” quando viu os romanos caírem mortos de frente ficou admirado e disse: “Com guerreiros assim conquistaria o universo” em 275 a.c foi finalmente derrotado pelos romanos. E por fim provavelmente a mais famosa guerra da época republicana que foi contra a potencia do mediterrâneo Cartago, as famosas guerras púnicas. onde surge a figura de Aníbal o maior estrategista militar da antiguidade suas manobras são até hoje exemplo para os exércitos atuais. A partir de então Roma se torna expansionista toma todo o mediterrâneo, faz guerras contra a macedônia libertando as cidades gregas do domínio macedônico, posteriormente derrota a rebelde Esparta e conquista toda a Grécia, Egito, Síria e Israel. A partir de então já na época do império as guerras são contra as tribos bárbaras e geralmente é , o que é mostrado em documentários e nos filmes épicos atuais, como se Roma se resumisse a isso apenas. Filmes épicos italianos feitos nos anos 60 mostram muito mais sobre a república romana.
    Então veja que para abocanhar todo esse império de culturas, idiomas, governos e raças diferentes, os romanos estiveram sempre em constantes guerras.

  10. Werlon disse:

    Roma foi um grande império, já Esparta, formou os melhores guerreiros daqueles tempos.

    • máximus disse:

      Os soldados romanos não eram só guerreiros, eram também construtores, além de armamentos de guerra,, levavam consigo utensílios que seriam usados para os objetivos, portanto carregavam muito peso, por isso mesmo eram muito fortes.Só para se ter uma idéia , quando Julio Cesar conquistou a gália com cerca de 40 mil soldados, a única maneira de conquista-la, seria atravessando o rio reno, Ora de uma margem à outra, a distancia dava-se em 304 metros,mas estamos falando de romanos, pois bem os comandados de cesar sob suas ordens construíram uma ponte em 10 dias , utilizando-se das arvores da região e depois de pronta césar e seus soldados marcharam sobre ela, sob olhares estarrecidos do inimigo.Pois o soldados romanos marchavam, esse foi o aviso de Cesar o império romano pode ir a qualquer lugar.Um feito inacreditável de engenharia, mesmo com as técnicas modernas de hoje não conseguiriam fazer em tão pouco tempo. Tem outros exemplo, como o cerco de massada.
      Portanto:
      Roma não foi só um grande império, foi o maior império da antiguidade..O maior aqui não se trata de tamanho territorial e sim do legado que deixou para o mundo.e isso deve-se também entre muitas outras coisas, pela disciplina, persistência e a força de seus soldados.

      • Adonis disse:

        bacana essas informações e só me dão substrato para reclamar dos filmes e séries de hoje que tratam os romanos como vilões sempre e sempre, como se não tivessem feito nada de bom pela humanidade. Sei lá, em regra, sou contra maniqueísmo. Gosto da série Spartacus, por exemplo, contudo acho que o excesso de vilania dos romanos foi brochante. obrigado!

  11. máximus disse:

    Apesar de meus erros de português agradeço pelo blog.Obrigado.
    Roma conquistou esse império não apenas pela força física mas principalmente com capacidade diplomática e política, servindo-se de suas leis e oferecendo- as aos povos e nações das provìncias que governavam.Estas leis que servem de base até hoje para o direito jurídico moderno Existe a história de um escravo romano que foi tão fiel a seu dono que obteve a sua liberdade, ficou rico e voltou para a sua terra natal. Construiram as melhores malhas viárias do mundo antigo a via àpia é um exemplo, graças a essas estradas foi difundido o cristianismo no império e hoje é uma das maiores religiões que existe. Rede de aquedutos que levavam água em lugares distantes, pois sem água e estradas não existe civilização. Como império, foi o segundo maior da antiguidade, mas em duração foi o maior.Pela capacidade, legado e influencia que teve sobre os povos conquistados, que com sua queda, absorveram sua cultura e fundaram as nações da europa , trata-se do maior império da antiguidade e um dos maiores do mundo até hoje.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s