Deusa Daji – Mitologia chinesa

Daji, ou Su Daji, foi a concubina favorita do rei Zhou, o último rei da dinastia Shang, na China antiga, sendo responsabilizada pela queda desse império. Na verdade, a linda mulher foi tomada por um espírito maligno de raposa, conforme relatado no romance chinês Fengshen Yanyi.

Daji foi dada ao rei Zhou por seu pai, Su Hu, como forma de apaziguar o conflito tido por eles, sendo possuída antes de chegar às mãos do imperador. O espírito de mil anos de idade, através da beleza física inigualável de Daji e de perspicácia e malícia, corrompeu o rei Zhou, levando-o a negligenciar assuntos de Estado.

Em razão da atuação da concubina, que manipulou o carnalmente fraco rei Zhou (a carne é fraca), a China foi tomada pela tirania e pelo despotismo, o que causou a fúria popular e a superveniente queda do império.

Posteriormente, Daji foi exorcizada, ficando livro do espírito. Contudo, atribuiu-se a ela a culpa pelas ações do rei Zhou, caindo a moça no ostracismo e no esquecimento. Com o passar dos séculos e milênios, foi deidificada pelo povo chinês.

Daji é símbolo da fraqueza carnal masculina diante de uma bela mulher, assim como Dalila (Sansão), capaz, inclusive, de destruir impérios, servindo como um alerta aos homens que sucumbem a qualquer rabo de saia que apareça ou às vontades femininas em troca de sexo. No contexto atual, esta fraqueza dá origem a pensões alimentícias devidas a filhos não planejados.

Sei que uma mulher linda e maliciosa é irresistível, constituindo-se em uma oportunidade única de felicidade – até porque a maioria das mulheres querem parecer boazinhas e imaculadas e vivem se vitimizando e se comparando a homens -, mas é bom tomar cuidado, rs.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Deusa Daji – Mitologia chinesa

  1. João disse:

    Obviamente o rei Zhou foi o mais “trouxa” que o Sansão. Quem conhece a história dele de verdade não pode negar isso. Ele exilou seus dois irmãos, matou seu tio, prendeu o outro tio e deserdou seu filho por influência de Daji. Ele torturou e matou centenas de inocentes apenas pra satisfazer o sadismo sexual extremo dela. O alto-conselheiro Meibo foi esquartejado, o primeiro-ministro Shangrong cometeu suicídio para não ser queimado vivo numa torradeira gigante, mulheres grávidas tiveram seus ventres rasgados por ele para que Daji brincasse de adivinhar o sexo dos fetos, ele fez uma orgia com ela e seus amigos que durou 120 dias… No fim ele foi desertado por seu próprio exército, que uniu-se aos rebeldes na Batalha de Muye, e para fugir da captura cometeu suicidio pondo fogo no próprio palácio consigo dentro. O maior tarado e o pior tirano da história.

  2. José Ivan Emiliano da Costa disse:

    gosto de adquirir, mas perdi material no pen…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s